Caro cidadão,

Irá decorrer nos próximos dias 23 e 24 de janeiro, entre as 8h00 e as 19h00, na Embaixada de Portugal em Copenhaga (Toldbodgade 31,1 – 1253 København K) o exercício de voto para as eleições presidenciais.

Apenas os cidadãos recenseados no caderno de recenseamento deste posto poderão exercer o seu direito de voto nestes dias. Poderá consultar o seu local de recenseamento através do site www.recenseamento.mai.gov.pt.

Mais se informa que só será permitida a entrada nas instalações da Embaixada de dois eleitores de cada vez, que deverão apresentar o seu documento de identificação válido e, preferencialmente, trazer a própria caneta.

Nos termos da CRP (n.º 2 do artigo 124.º) e da LEPR (n.ºs 1 e 2 do art.º 70), na eleição do Presidente da República o direito de voto é exercido presencialmente e diretamente pelo cidadão eleitor.

Caso esteja recenseado em território nacional, mas deslocado temporariamente no estrangeiro, nos termos definidos na Lei (artigo 70.º-B, da LEPR), poderá votar antecipadamente, nos dias 12, 13 ou 14 de janeiro, entre as 9h00 e as 17h00, também nas instalações da Embaixada de Portugal em Copenhaga.


Assim, o voto antecipado poderá ser exercido pelos cidadãos se encontrem em uma das seguintes condições:

a)  Quando deslocados no estrangeiro, por inerência do exercício de funções públicas;
b)  Quando deslocados no estrangeiro, por inerência do exercício de funções privadas;
c)  Quando deslocados no estrangeiro em representação oficial de seleção nacional, organizada por federação desportiva dotada de estatuto de utilidade pública desportiva;
d)  Enquanto estudantes, investigadores, docentes e bolseiros de investigação deslocados no estrangeiro em instituições de ensino superior, unidades de investigação ou equiparadas reconhecidas pelo ministério competente;
e)  Doentes em tratamento no estrangeiro;
f)  Que vivam ou que acompanhem os eleitores mencionados nas alíneas anteriores.

  • Partilhe